As 3 Melhores Escadas para Cachorro

Você tem algum cachorro, de raça mini ou pequena, que adora ficar com você no sofá, na cama, mas não tem tamanho suficiente para subir? Ou você tem medo que ela possa cair de cima de locais altos e acabar machucando a patinha?

Saiba que isto é um acidente muito comum que não acontecem apenas com raças pequenas, mas também com raças médias, cães que estão com sobrepeso ou com idade mais avançada.

Para evitar este tipo de problema, são comercializadas escadas para cachorro, para que eles possam subir e descer de locais altos, estarem perto dos donos e ficarem livres de acidentes.

Mas será que elas funcionam mesmo? Qual será o modelo mais recomendado para o seu cãozinho? Pensando nisso, o Cozinha Canina reuniu as três melhores escadas para cachorro do mercado.

Tire todas suas dúvidas.

Escada Fabrica Pet Suede: A mais resistente
Material: Espuma
Suporta até: 20 quilos
Tamanho: Altura: 44 cm, largura: 38 cm, comprimento: 53 cm

Escada/Rampa Tubline: A mais prática 
Material: Metal
Suporta até: 15 quilos
Tamanho: Altura: 47 cm, largura: 37 cm, comprimento: 79 cm

Escada Recriar Pet Ecológica: Para cães pesados
Material: Impermeável
Suporta até: 50 quilos
Tamanho: Altura: 49 cm, largura: 42 cm, comprimento: 65 cm

Quais são as Melhores Escadas para Cachorro?

Hoje vamos falar a respeito de três marcas que são recomendadas pelos veterinários e, quem comprou, gostou muito. Todas elas contam com ótimos materiais e são muito seguras para os cães.

Antes de escolher a sua preferida, fique de olho no material de cada uma, se as medidas vão atender as necessidades do seu cão e qual o peso que cada uma delas suporta.

Assim você evita dor de cabeça de comprar uma das escadas para cachorro que não vai te atender bem. Confira agora uma análise um pouco mais completa sobre cada modelo e os pontos positivos e negativos.

1. Escada Fabrica Pet Suede: A mais resistente

A Fabrica Petz conta com uma das melhores opções de escada no mercado, muito procurada pelos donos e também recomendada pelos veterinários pelos seus diversos benefícios.

O primeiro detalhe que chama a atenção é o design, com cores diferentes e um material resistente e durável. Além disso, é fácil de usar e também de locomover para outros cômodos.

Feito a base de espuma, com um material que os cães simplesmente adoram, é bastante estável, segura e conta com limite de peso de até 20 quilos, ou seja, até os cães maiores e mais gordinhos podem usar.

Como é a escada conta com material macio, cães obesos e com problemas nas articulações vão poder usar, sem correr o risco de machucar as patinhas ou causar novas lesões.

Outro ponto positivo é o tamanho da escada, com largura de 38 centímetros, bastante espaço para que o cachorro não caia pelas laterais. O material também evita que o cão possa escorregar.

Mesmo sendo uma escada que suporta até 20 quilos, ela é indicada para cães de portes mini, pequeno e médio. Se você tem cães idosos em casa e que necessitam de cuidados especiais, não deixe de ter a escada em sua residência.

Prós
  • Material macio
  • Segura e estável
  • Recomendada por veterinários
  • Design
Contras
  • Preço alto

2. Escada/Rampa Tubline: A mais prática

Um diferencial da Tubline One é que ela pode ser usada tanto como escada como rampa, é um produto muito versátil e necessário para cães que precisam de uma ajudinha extra para subir na cama ou no sofá.

De fácil manuseio e com total segurança, a escada suporta até 15 quilos e é bem prática, disponível em três cores diferentes, azul, amarelo e cor-de-rosa, com desenhos estampados.

Um dos pontos positivos da Tubline é a facilidade de levar ela para qualquer local, adaptável com qualquer espaço ou móvel. Se o seu cão tiver dificuldades em subir os degraus, basta estivar e usar como rampa.

Também recomendado para gatos obesos e com problemas nas articulações, a Tubline é feita de metal, e conta com 47 centímetros de altura, 37 de largura e 79 de comprimento.

Prós
  • Dois em um (escada e rampa)
  • Diferentes cores
  • Material resistente
  • Fácil manuseio
Contras
  • Material poderia ser antiderrapante

3. Escada Recriar Pet Ecológica: Para cães pesados

Se você quer proteger as patinhas do seu melhor amigo e ainda contar com um produto ecológico, conheça a Escada Recriar Pet Ecológica, uma das escadas para cachorro mais vendidas do mercado e que atende a maioria das raças de cães.

O primeiro ponto positivo da Escada Pet Ecológica é que ela oferece um apoio simples e seguro para cama ou para o sofá, assim o cão pode subir sem o risco de cair e se machucar.

É um modelo que oferece bastante conforto, disponível em cores que vão combinar com o seu mobiliário, e a boa notícia é que a escada é feita com material impermeável.

Outro benefício é que a Escada Recriar Pet conta com alta resistência e durabilidade, e também não propaga chamas em caso de fogo, uma segurança a mais para sua casa.

É um produto indicado para os cães até mais pesados, suportando um total de 50 quilos, além de ser antimofo e antifungo, o que vai ser importante também para os donos que sofrem de alergias.

Prós
  • Material Reciclável
  • Antimofo e antifungo
  • Resistente
  • Suporta até 50 quilos
Contras
  • Preço alto

Como escolher a escada ideal pro seu cão?

A melhor forma de escolher uma boa opção entre as escadas para cachorro, é saber se elas são resistentes, seguras e estáveis, especialmente se elas forem usadas por cães obesos e idosos.

Outro detalhe é o tamanho da escada, sempre meça o local que você quer usar e opte pela que se adapta ao móvel que o cão vai subir, sem deixar espaços onde o cão possa escorregar ou se machucar.

Mas além da escada ou rampa para o seu bichinho, é preciso também conhecer alguns cuidados que devem ser tomados, especialmente por cães idosos e obesos.

Sinais que seu cachorro tem problemas articulares

É preciso estar sempre atento se o seu cachorro está com algum problema articular. Pode ser algum tipo de lesão ou doenças que alguns animais apresentam com idades avançadas.

Muitas das doenças contam com tratamentos eficazes, mas para isso é preciso identificar rapidamente qual o problema com o seu melhor amigo. Fique ligado se o seu cachorro apresentar estes comportamentos:

Cão mancando: Às vezes você pode ver o seu cão mancando e pode pensar que é uma simples lesão, algum espinho ou torção que o cão sofreu. Estes tipos de problema passam no máximo entre 2 e 4 dias.

Se o animal continuar mancando, é recomendado que você visite um veterinário para saber qual é o problema.

Dificuldade para subir escadas: Muitos cães com dores e problemas articulares evitam subir escadas e obstáculos, geralmente empacam e não sobrem. Não force o animal, verifique as patinhas sempre.

Comportamento: Cães quando estão com algum problema tendem a ficar mais quietos, cabisbaixos, sem querer brincar e interagir. Eles deixam também de correr, subir em sofás, camas e cadeiras.

Dificuldades de deitar e levantar: Fique atento também se o cão apresenta dificuldade para deitar e especialmente ao levantar. Além de problemas articulares, o cão também pode estar com dores na coluna.

Principais doenças articulares dos cachorros

Osteoartrite: É uma doença que acomete as articulações e uma das mais comuns. Conhecida também com osteoartrose, é uma doença degenerativa que não tem cura. Contudo, é possível diminuir os sintomas com remédios adequados, suplementação alimentar e exercícios específicos.

Artrite reumatoide: É uma doença de difícil diagnóstico, onde o próprio sistema imunológico do animal produz anticorpos que atacam as articulações. Sua causa ainda é desconhecida, porém, tem influência do fator genético. É uma doença muito dolorosa e que não existe cura.

Doença articular degenerativa: É uma das doenças mais comuns, que afeta as articulações de cães e também gatos. O tratamento é feito com suplementos e exercícios específicos.

Como cuidar das articulações do seu cachorro?

As articulações dos animais, assim como a dos humanos, tendem a sofrer de acordo com a idade. Este é um problema que a maioria dos bichos vão acabar sofrendo.

Contudo, existem algumas práticas onde é possível diminuir as dores e também evitar outros problemas mais sérios.

Algumas possibilidades:

Exercícios e passeios frequentes: Todos os cães, sem exceção, precisam de um tempo diário para passear e se movimentar. Isto é bom não só para as articulações, mas também para que o cachorro mantenha o peso.

Controle do peso: Um cão obeso tem a tendência de ter diversos problemas de articulações, portanto, sempre tome cuidado com a alimentação, escolha muito bem a ração.

Facilite o ambiente: Compre escadas especiais e rampas para que o seu cão ou gato possa subir e descer de ambientes mais altos, sem arriscar pular de locais altos. Não deixe o animal andar por terrenos irregulares, tome cuidado com locais onde o cão possa se machucar, pisos escorregadios e tapetes sem aderência.

Conclusão

Não pense que comprar uma escada para o seu cãozinho é um artigo de luxo ou dispensável. Quanto mais a idade chegar, mais comprometidas vão ficar as articulações, as patinhas e a coluna dos nossos melhores amigos.

Os cães, mesmo velhinhos, não medem esforços para ficar próximos dos donos, por isso é preciso tomar cuidado dos locais que eles sobem, pois, podem pular direto e isso causar problemas sérios, até como fraturas.

Uma fratura em cães idosos ou obesos podem ser muito graves, por isso as escadas vieram para auxiliar os nossos melhores amigos, e não só para subir em sofás e camas, mas também para qualquer parte da casa.

As três marcas citadas entre as melhores escadas para cachorro, são muito recomendadas pelos veterinários e também pelos donos.

Não são opções muito baratas, já que todas elas custam a partir de 150 reais, porém elas valem cada centavo se considerar a segurança do seu animal.

É importante também ficar de olho nas demais escadas que você provavelmente vai encontrar no mercado. Existem alguns modelos em MDF, de montagem complicada que não são recomendadas.

Primeiro pelo material que não é muito seguro, além da escada não ser estável e não suportar tanto o peso. Sempre procure pelos melhores produtos, é o bem-estar do seu animal que está em jogo.

Lembrando que aqui no Cozinha Canina, você sempre tem dicas de produtos para seus animais.